Mai Chardonnay 2009, uma casualidade.

Este post é tão simples e rápido quanto o vinho de hoje. Durante um almoço rápido no restaurante Bar des Arts em São Paulo, eu e o Alcir resolvemos tomar uma taça de vinho branco e pedimos para o garçon escolher, tamanha era nossa concentração na conversa. O rapaz nos touxe duas garrafinhas de 187 ml, aquelas de dose única. O Alcir ainda brincou que aquilo era uma amostra gratis. Fotografei a garrafa com rapidez e continuamos a conversa. Lembro-me do vinho passar quase desapercebido, bastante leve, freco, fácil de beber, com notas cítricas e um fundo de baunilha. Apenas isso. Ah, lembro ainda que no final na taça ele estava um pouco perfumado, tipo flores secas.

Portanto se você quiser se divertir rapidamente e sem compromisso, esse Chardonnay Chileno pode ser uma alternativa.

Chardonnay casual.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More