Trinity Hill Homage Syrah 2006

Este Syrah vem do pais-ilha a Nova Zelândia, misterioso para nós brasileiros, pois está do outro lado do planeta, há 16 horas de fuso horário.  O povo aborígene da NZ chamava o lugar de Aotearoa, que significa “A Terra da longa nuvem branca”. Na verdade a Nova Zelândia é composta por duas grandes ilhas, a do Norte e a do Sul, mais dezenas de outraspequenas ilhas. A história da vinicultura nesse pais começou assim que foi assinado o tratado de Waitangi, que deu origem ao pais em 1840. Porém a história da vinicultura comercial na Nova Zelândia é muito recente, décadas de 70 e 80 do século passado.

locationnewzealand
Nova Zelândia
04-th-homage-131x400
Trinity Hill Homage Syrah 2006

O produto é da grife Trinity Hill do notório John Hancock, um prioneiro na produção de vinhos de classe mundial. Homege é um tributo ao falecido Gerard Jaboulet, que de acordo com John Hancock, foi a inspiração para o seu vinho. Hancock trabalhou em uma safra em Jaboulet e desenvolveu grande admiração por seu proprietário.

O Homage é um vinho rico e potente, exibindo camadas de sabores bagas escuras, alcaçuz, anis e carvalho. É denso e firmemente estruturado, pronto para beber, mas com grande potencial de envelhecimento. 88WS.

Fontes: Wine Atlas: New Zealand, Michael Cooper /
1001 Vinhos para beber antes de morrer: Neil Beckett. 

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.