Úmbria, uma região pouco conhecida

Agriturismo Preggio, Preggio, Perugia, Umbria ...
Image by Toprural via Flickr

Com grande atividade vinícola a Umbria vive à sombra da Toscana e apenas a região dos vinhos brancos de Orvieto é conhecida. Mais recentemente a produção de tintos de grande qualidade surgiu na região da vila de Montefalco.

Em Orvieto e Orvieto clássico as cepas mais empregadas são a Trebbiano Toscano, Verdello, Grecheto e Canaiolo Bianco.

Na região de Montefalco se produz um DOC com 60% a 70% Sangiovese, mais 10% a 15% de Sagrantino e mais uma variedade de outras uvas tintas. Se produz ainda um DOCG varietal Sagratino. Este último, um vinho super potente. Diz a lenda que era cultivado pelos Franciscanos de Assis. O nome Sangratino vem de Sancratino, o vinho da missa.

Na região de Perugia, existe a cidade de Torgiano que produz vinhos brancos e tintos, valendo mencionar o Torgiano Rosso Riverva, que envelhece por 3 anos em carvalho e traz a uva Sangiovese. Um vinho muito tânico e floral. Como a legislação do vinho nesta região é bastante tradicionalista, todos os experimentos são tratados como IGT.

É um pouco difícil encontrar vinhos da Úmbria no Brasil, já bebi o Cardeto Nero della Greca 2004, que encontrei na Decanter.

Fontes de referência: Vinhos do Mundo Todo (Guia Ilustrado Zahar); Vinhos de André Dominé.

Umbria wine region map

Mapa dos vinhos da Umbria

Mapa dos vinhos da Umbria

Foto do topo: Cidade de Orvieto na Úmbria

0
2 Comments
  • Estacio Sa
    agosto 3, 2009

    Paulão:

    Na última viagem que fiz a Itália estive nessa região, incluindo Orvieto e Todi, mas por pura ignorância não provei muita coisa por lá, com exceção de um vinho de mesa na região do Lago Trasimeno, que estava muito bom por sinal.

    Estácio

    • Paulo
      agosto 3, 2009

      Estácio, Vamos ver se encontro algo sobre este vinho.
      Abraços

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *