A lenda da Raposa Molhada.

Lenda Urbana.

Trata-se de uma lenda urbana que ganhou a internet no Brasil. Em noites frias de lua minguante, ela se aproxima sorrateira das mesas de restaurantes. Atraída pelos odores de carvalho, chocolate, especiarias e sobretudo carne mal passada, a Raposa Molhada ataca sem piedade. Ataca sobretudo narizes incautos e de sexualidade claudicante.

Foi assim com nosso bom amigo Gomez. Durante a primeira reunião da confraria dos publiciários. O mito da raposa molhada fez-se presente, arrebatando de forma impiedosa o nariz de nosso companheiro. Nenhum dos integrantes da confraria percebeu a aproximação do canídeo. Estavamos todos entusiasmados tentando escolher o melhor vinho da noite, entre 8 maravilhosos portugueses. A degustação dos vinhos acontecia de forma veloz, eu mesmo confesso que estava atrapalhado. Juro que vi na minha frente nove taças  e não 8 como o esperado. Lembro que pouco antes do ataque da Raposa, o Herbert explicava animado sua preferiencia por cabos de forte grip e anti-vibração. Eu continuava a achar aquilo tudo muito confuso. Tentava localizar a diferença entre o vinho número 1 e o vinho número 2. Alguns arriscavam a safra do vinho 8. Subitamente ouve-se um grito agudo. O Gomez, com olhos revirados, quase em estado de choque diz…. “Este aqui tem o aroma de Raposa Molhada”. Silêncio entre os 8 confrades….

O Pior é que para sempre a Maldição da Raposa Molhada vai acompahar o pobre do Gomez.

6 Comentários
  1. Herbert Diz

    Paulão,

    Isso foi só o começo.
    Não é possível imaginar qual lenda se apresentará na Toscana…
    Aguardemos os próximos capítulos.
    Abraços,

    hz

  2. Alexandre Frias Diz

    Paulão…

    quase caí da cadeira aqui qdo li a palavra "canídeo".
    sensacional!

    Nem quero imaginar qual será a próxima lenda que surgirá na Toscana.

    abs!
    Ale

  3. Cristiano Orlandi Diz

    Paulo,

    SENSACIONAL!!!

    Forte Abra;o!

  4. André Rossi Diz

    Paulão,
    A raposa molhada pode dar lugar ao chulé de urso polar ou o sovaco do sexto tentáculo de um polvo.

    Com a fértil imaginação do caro amigo Gomez, pode-se tudo!

    Aguardem a Toscana que uma nova lenda poderá surgir. Ou será que mais uma vez o Herbert estará focado no anti-vibrador e na raquete de cabos com0 forte grip?

    Abração
    André

  5. Paulo Diz

    O que o Gomez vai inventar eu não sei, mas com certeza o Herbet não vai largar a raquete.

  6. […] tivemos a companhia de uma visita inesperada que virou lenda urbana, não é Gomez? ;o) Leia tambémQuinta do Crasto Douro 2006Uma semana muito especial…Vinhos […]

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.