Achaval Ferrer Cabernet Sauvignon 2005, difícil de encontrar.

Depois de uma tentativa frustrada com um Grenache de Barossa Valley, resolvi abrir esse raro Achaval Ferrer Cabernet Sauvignon 2005. Este pequeno produtor argentino pode ser classificado como “boutique”, pois produz em pequenas quantidades. Nós já tivemos a oportunidade de experimentar o Quinta Altamira, o Quinta Mirador, mas nunca esse Cabernet Sauvignon.

Um vinho perfumado, com aparencia muito escura. Na boca parece macio, suave no início, porem em segundos mostra uma personalidade potente, com taninos bem pronunciados, retro-gosto de baunilha e um final de couro e tabaco. Uma bebida excelente. É curioso que não exista qualquer referência desse varietal no site da Achaval Ferrer e mesmo na Internet não há literatura sobre o assunto.

O Site Enoteca diz o seguinte sobre o vinho:

Este vinho é feito com uvas que entram no corte do Quimera, provenientes de vinhedos de Tupungato e Medrano.São cerca de 300 garrafas por ano que eram até 2 anos atrás apenas amostras exclusivas para que o enólogo, Roberto Cipresso, estudasse a estrutura dos cortes.

CAB-ACHAVAL
Nunca havia encontrado um Cab Sauv. da Achaval Ferrer

 

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.