Quelen 2006, Maipo, Perez Cruz

Neste sábado de temperatura amena, muito vento e chuva, resolvi descobrir o que tem de especial o vinho top da Perez Cruz, vinícola que visitei há cerca de uma semana, no Maipo, Chile. O Quelen possui um mescla de uvas inusitada: Petit Verdot, Carmenére e Cot. Uvas que normalmente são usadas como coadjuvantes em outras mesclas. Também é preciso esclarecer que a Cot, nada mais é do que a Malbec, surgida na França, sobretudo no Loire e em Bordeaux.

A fermentação das uvas é feita separadamente em tonéis de inox e depois de feita a mistura, envelhecem por 14 meses em barris novos de carvalho francês. O vinho tem aroma de tabaco, e mentol. Na boca é elegante, com bastante carga de frutas vermelhas como framboesa e cereja. O vinho é encorpado, com taninos poderosos e bem integrados e seu final de tabaco com menta. Não é um vinho comum, nem mesmo tem aquela estrutura com muita madeira que a maioria dos chilenos traz. Ele é bastante vivo e animado.

 

Quelen 2006, Maipo, Perez Cruz

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More