Pesquera Tinto 2006 no Eñe

Manuk e eu resolvemos ter um bom almoço com vinho nesta 6a-feira e o escolhido foi o Restaurante Eñe, um dos preferidos do Alcir, que não estava conosco, pois está viajando. O Eñe é um restaurante espanhol comandado pelo Chef Sergio Torres com proposta de alta gastronomia, um ambiente elegante e moderno com serviço impecável. As entradinhas do Eñe já são muito saborosas com frios e linguicinhas, mas resolvemos apelar para um presunto Pata Negra.

Almoçamos Cochinillo crujiente con manzanaum, um leitão torradinho por fora e com carne bem macia e bem temperado. O prato conquistou o prêmio PALADAR do jornal O Estado de S.Paulo.  Para nos acompanhar neste almoço o Manuk escolheu o Pesqueira Tinto 2006. Um vinho do famoso Alejandro Fernández, um dos mais reconhecidos produtores espanhois. Esse Ribera del Duero é um vinho de meio corpo, muito perfumado, com toques de carvalho tostado e sabores de frutas negras, baunilha e um acabamento final sofisticado, o gosto das especiarias e carvalho persiste na boca. Se você ainda não experimentou vale a compra, apesar do preço no restaurante ser acima de 200 Reais.

Restaurante Eñe em São Paulo. Rua Mario Ferraz, 213
Pesquera Tinto 2006
2 Comentários
  1. peter wolffenbü Diz

    Muito bom, mas lembra aqueles antigos espanhóis com muita madeira, corpo e peso, não é um vinho, como dizem alguns vendedores, fácil de beber. Mas é, sobretudo, um vinho gastronômico. Ganho e muito quando acompanhado por um prato que realce sua potência e estrutura.

  2. Rafael Loyola Diz

    Oi Paulo,

    em março de 2009 estiva na Espanha e provei o Pesquera tinto 2007 (veja no meu blog: http://devinhoemvinho.blogspot.com/2009/12/pesque…. Na época meus amigos comentaram da qualidade do de 2006. Bom ver seus comentários sobre ele por aqui!

    Um abração,

    Rafael
    (De Vinho em Vinho).

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.