Semi-final: Estados Unidos x Espanha

Inacreditável. A melhor definição sobre este jogo foi da minha mulher: “a Fúria é composta de peixes. Nadam muito bem, mas sempre morrem na praia”. Eu não acredito que um time tão organizado tenha perdido a partida daquela forma. Bem, resta ao Brasil vencer os “amigos” da esquadra do Joel e partir para cima do time americano.

Aqui no NOSSO VINHO deu a lógica. A Espanha venceu o vinho Americano. Foi 75% a 25%.

Estados Unidos

Técnico: Cristiano Orlandi

Vinho escalado: Alexander Valley Home Ranch Zinfandel 2006

Um vinho feito de Zinfandel e importado para o Brasil pela Mistral. Tem um toque de Petit Syrah e Carignan para ganhar complexidade além de 11 meses de carvalho (metade francês, metade americano). A Zinfandel é “parente” da Primitivo italiana e uma uva emblemática na Califórnia!!! Os vinhos se assemelham…

Seghesio
Seghesio

Espanha

Técnico: Sergio Valente

Vinho escalado: Rioja Conde de Valdemar Reserva 2001

Um tempranilo maravilhoso que entrega aromas e sabores de ameixa, tabaco, com taninos bem integrados e um final delicioso com muita madeira. Este vinho está aqui no NOSSO VINHO desde o início do Blog. Aprovado por mim, (Paulo), pelo Manuk e agora escalado pelo Sergio. Avaliado com 90 pontos na WS.

.
.
3 Comentários
  1. Gabriel Diz

    Olha, eu votei no Espanhol porque já provei e realmente é maravilhoso. Mas com toda a certeza eu quero provar essa uva Zinfandel que honestamente não conheço. Acho que esse é mais um rótulo certo no nosso jantar, não?

    Boa indicação Cristiano.

    Abs

  2. Gabriel Diz

    Outra coisa, apesar dessa uva Zinfandel ter sido cultivada primeiramente na Itália com o nome de Primitivo e depois levada para os EUA, tudo indica que o sucesso dela está totalmente associado ao solo, clima e método de cultivo da América, porque em uma rápida pesquisa no WS e RP existem diversos vinhos com notas bem altas que utilizam a uva Zinfandel, sendo que quando pesquisei sobre a uva Primitivo só encontrei provas de degustação que indicavam muito bom (89 pontos máx).

    Abs

  3. Cristiano Orlandi Diz

    Gabriel,

    Muitos vinhos italianos não são enviados para análise de críticos internacionais. Especialmente os de regiões de menor tradição como a Puglia (Região de origem da Primitivo e ao Sul da Bota). Outro fator, similar, é que os próprios críticos procuram vinhos da Toscana e do Piemonte.

    Uma boa dica de Primitivo di Manduria é o da Vini Farnese, safra 2005, quem traz para o Brasil é a World Wine. Experimente!

    E o meu Zinfandel não ganha uma… mesmo com 92 pts. O irmão pobre dele nas últimas duas safras recebeu 93 (2007) e 91 (2006), 60% do preço e com certeza em termos de relação custo-beneício uma escolha melhor. É o Sonoma County Zinfandel. Paulo, acho que pra final fico de Zinfandel, mas troco o "jogador". A WS classificou o 2007 entre os 10 melhores do mundo.

    Forte Abraço!

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More