Chateau Brane-Cantenac Margaux 2005

A história de Brane-Cantenac começa em 1735, quando a família Gorce controlava o então Chateau Gorce e mais tarde Gorce-Guy. Em 1822 o Chateau com adquirido pelo Barão Hector de Brane e surgiu o Chateau Brane-Cantenac.

Desde início do século XIX e mesmo antes da classificação de 1855 este Chateau mantinha uma excelente qualidade de produção. Qualificado como Deuxième Cru em 1855, o Chateau passou por inúmeros desastres, como a filoxera, depressão e guerras. No século XX, (1925), foi adquirido por François Lurton. Depois de muitas dificuldades Lurton conseguiu recuperar o nível de qualidade de produção do Chateau. Seus vinhos são predominantemente Cabernet Sauvignon, cerca de 65%, outros 30% de Merlot e 5% de Cabernet Franc.

A safra de 2005, com 92 pontos na WS apresenta aromas de amora, encorpado, com taninos finos e um final médio. Vale a pena visitar o site do Chateau Brane-Cantenac. Fonte de informações: The Wine Doctor.

Chateau Brane-Cantenac
Chateau Brane-Cantenac 1998, atingiu 91 pontos na Wine Spectator.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More