Bruno Giacosa Barbera D’Alba Falleto di Serralunga 2008.

Tenho vivido dias novos e maravilhosos e tenho estado um tanto distante desse blog que já me deu tanto trabalho e tantas alegrias. Neste final de semana pudemos experimentar vinhos maravilhosos, mas resolvi escrever sobre este incomum Barbera D’Alba do Bruno Giacosa.

O vinho é diferenciado, por muitas razões e vou listar aqui algumas delas.

Em primeiro lugar por ser um vinho do Bruno Giacosa, tão lendário e diferenciado que seus vinhos são os únicos do mundo que Robert Parker tem que comprar para analisar. Giacosa se recusa a oferecer seus vinhos de graça para avaliações. Também pudera, sua produção é pequena, no caso desse Barbera, apenas 6.200 garrafas foram feitas e todas numeradas. O vinhedo Falleto di Serralunga D’Alba é um dos mais prestigiados de todo o Piemonte no norte da Itália. O produto em sí também é único, pois é muito mais potente que a maioria dos Barberas D’Alba. Não é um vinho comportado, pelo contrário é agressivo, com taninos ultra secantes e alto nível de acidez. Tem um aroma marcante de cereja que cresce com o tempo na taça. Seu corpo é delicado mas mostra-se selvagem na boca com a força dos taninos. Enfim, não é uma bebida que agrade a maioria das pessoas, que hoje em dia preferem vinhos mais encorpados, mais texturizados e com camadas de chocolate e baunilha vindos do carvalho. Se você gosta de emoções mais fortes, pode beber.

 

Bruno Giacosa Barbera D’Alba Falleto di Serralunga 2008.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.