Finalmente Chegamos à Toscana.

Finalmente chegamos a Toscana e fomos direto ao Villa La Massa, hotel que fica a poucos quilômetros de Florença em uma propriedade enorme de 20 hectares, do século XVI, a beira do rio Arno. Um sonho de lugar de estilo medieval, com muita natureza. Como chegamos tarde, resolvemos ficar por aqui mesmo e curtir o restaurante do hotel, que tem um serviço impecável, cozinha Toscana maravilhosa e uma carta de vinho muito completa.

.

Vista noturna do restaurante La Massa.

 

Para os que não sabem, estou viajando com os amigos Alcir, Manuk e José Aurélio e pretendemos percorrer as melhores vinícolas da Toscana em 10 dias.

No nosso jantar escolhemos alguns vinhos fantásticos como o Le Porcole Torte 2006 e o IGT L’ Apparita 1999 do Castello di Ama.

O Le Percole Torte é uma obra de arte, feito a mão pela Montevertine, com 100% Sangiovese. Com perfume de couro e tabaco, um vinho leve e delicado, muito equilibrado, com toques de temperos e especiarias deixados pelos 18 meses em barricas de carvalho. Um vinho gastronômico e elegante. Para alguns pode ser um tanto leve demais, como foi a opinião do Alcir. Apenas 13% de alcool. Adorei conhecer este vinho. Ficou muito bem com a salada de pato e com o Cuori de Filleto que escolhi. (acho que é assim que se escreve). A vnícola fica no coração de Chianti, próximo daqui na cidade de Radda e foi fundada por Sergio Manetti em 1967. Seu rótulo artístico é lindíssimo.

 

Rotulo encantador.

 

O Segundo vinho da noite agradou mais a turma, um 100% Merlot do Castello di Ama, o L’Apparita. Realmente o vinho é uma potência, muito equilibrado, combinando fruta madura, taninos sedosos, carvalho tostado e final de café expresso. O vinho tem ainda um toque de menta que o deixa ainda mais elegante. Bebemos ouvindo My way ao piano. O que impressionou a todos foi a potência do vinho, mesmo com 12 anos.

.

 

Bem, embora tenhamos provado outros vinhos nesta noite, esses foram os dois mais interessantes. Vale ainda uma rápida nota sobre o espumante de Franciacorta, Berlucchi 61 Rosé, que tomamos como aperitivo. Super leve com aromas de flores. Conheço alguém muito especial que adoraria conhecer este Rosé italiano.

 

 

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.