Vinho e Arte: Chateau l’Eglise-Clinet 2002

Este vinho é um objeto de desejo, ainda não experimentei. Segundo análise profissional da wineaccess , esse Bordeaux do Pomerol, feito com 75% Merlot, 20% Cabernet Franc e 5% Malbec, possui uma cor rubí intensa, um aroma exótico de framboesa, amora, trufas, minerais e caramelo. Muita Fruta. Na boca é doce e sutil, com tons de caramelo. Possui taninos bem concentrados e um final bastante longo. Envelhece por 18 meses em carvaho. Alcançou 90WS em 2002 e 2001 foi uma safra melhor.

Chateau L’Eglise-Clinet é uma propriedade da família Durantou, desde 1882. Denis Dourantou a tornou uma das grande vinícolas do Pomerol.  A Esposa de Durantou, Marie Reilhac é uma artista plástica talentosa, fazendo com que esta família combine muito bem vinho e arte. Abaixo alguns trabalhos de Marie Reilhac

denis_web_image_740

Denis Durantou

Obras de Marie Reilhac

Obras de Marie Reilhac

Obras de Marie Reilhac

Mais conteúdo sobre o Pomerol

0
1 Comment
  • Paulo
    Fevereiro 1, 2009

    O Chateau L’Eglise-Clinet está na lista dos melhores vinhos do Pomerol de 2006, o que mostra a continuidade do bom trabalho de Durantou.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *