Conheça os Brunellos da Casanova di Neri.

0 No tags Permalink 0

Neste post vou adicionar as minhas impressões sobre os Brunellos da Casanova di Neri que provei em uma degustação na Casa Cor neste mês de junho.

Antes de mais nada, para aqueles que não conhecem bem os Brunellos, eles são vinhos produzidos com um clone específico da Sangiovese, cultivada nos arredores da cidade de Montalcino na Toscana, Itália. Estes vinhos são envelhecidos em carvalho, quase sempre Esloveno, por períodos de 24 meses e ainda descansam na garrafa por até 3 anos antes da comercialização. São vinhos que ganham qualidade com o passar dos anos e 25 anos de adega pode ser um período curto para um Brunello de primeira linha. Alguns produtores usam ainda pequenas barricas de carvalho francês para o envelhecimento.

 

Casanova di Neri Tenuta Nuova Brunello 2003

Nosso primeiro Brunello é uma bebida sofisticada, elegante, um tanto delicado. Tem aroma de madeira tostada e cereja, uma textura muito sedosa e taninos vigorosos. Seu final de couro e baunilha persiste por mais de 1 minuto na boca. Recebeu 92 pontos da WS w RP. Passou 30 meses em barris de carvalho e 1 ano na garrafa antes da venda. Precisa de pelo menos 30 minutos em decanter para mostrar sua personalidade. Tem potencial de guarda de pelo menos mais 10 anos. O track record desse vinho é fantástico, sempre bem avaliado nos últimos 10 anos, (exceto 2002).

.

Casanova di Neri Brunello di Montalcino 2003.

Este vinho é conhecido como Etiqueta Branca e representa a Tenuta Casanova di Neri. Seus vinhedos estão localizados a leste de Montalcino em uma altitude média de 400 metros do nível do mar. Ele é maturado em barris antigos de carvalho, por longos 45 meses. Um vinho denso, de cor muito escura, um tanto selvagem, precisa de decanter. A carga de fruta é poderosa e os taninos muito secantes. Final de tabaco, um vinho para os apaixonados pela Sangiovese. Pode ser guardado por 2 décadas.

 

Casanova di Neri Cerretalto Brunello di Montalcino 2003.

Meu amigo, se você um dia encontrar esse vinho pela frente, pode ter certeza de que está olhando para uma obra prima. A Sangiovese Grosso vem do lendário vinhedo Cerretalto e o vinho só é produzido em anos perfeitos. Não há margem para erro aqui. Isso aconteceu nos anos de 1986, 1988, 1990, 1993, 1995, 1996, 1997, 1999, 2000, 2001, 2003, 2004 e 2006.

Envelhecido por 27 meses em pequenas barricas de carvalho e mais 30 meses na garrafa. Vinho de elevado poder alcoólico, muito denso, um tanto bruto, pode esperar muitos anos para ser consumido. Depois de um tempo no decanter mostra seus mistérios de fruta madura, couro, tabaco, baunilha. Final muito secante com expressão de couro

0

Não há comentários

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *