By Artigos
set 01

Blogging é coisa séria?

Criado em: 01/09/2020 às 22:40 | Atualizado em: 08/08/2023 às 12:31

Amigos, resolvi escrever esse polêmico artigo para gerar uma discussão saudável sobre a prática do Blogging. Está claro que a geração de conteúdo é uma febre que cresce em PG pela internet e todas as plataformas que ela propicia. Com isso centenas de milhões de blogs povoam a blogosfera e pela facilidade da tecnologia o conteúdo corre de um lado para o outro. Copiado, modificado, muitas e muitas vezes.

Mas como separar um blog bacana de um “copy and paste”? Como agir em um local onde pode-se dizer que “ninguém é de ninguém”? Bem, há mais de 7 meses escrevi um artigo sobre a necessidade de um código de ética nos blogs, veja:

A Blogosfera devería ter um código de ética?

Posted On: December 13, 2008

Penso que sim, algo bem estruturado que oriente as pessoas para um padrão mínimo de qualidade e ética, como citar fonte e autoria de qualquer conteúdo postado e provavelmente mais que isso. Qual a sua opinião? Se você é a favor, o que deveria conter neste código de ética e como implementar?

Recebi apenas um comentário dizendo ser uma coisa INÚTIL.

Pois bem, mas volto aqui, teimoso e quixotesco convocando a todos os colegas blogueiros, sejam eles enófilos ou não a realizar um Blogging responsável e ético. Isso significa gastar mais tempo nos posts e talvez dinheiro. Citar fonte, entregar links (sem a sacanagem do nofollow), citar autores de livros e capítulos, citar autoria de fotos, principalmente quando elas são retiradas de sites alheios e até mesmo comprar direitos de imagem. Existem bons serviços na Internet. Não tem jeito, não existe uma pessoa mais ou menos honesta, existe correto e errado. Eu tenho certeza que diversas vezes, por ignorância, por falta de formação jornalística, cometo assassinatos da ética jornalistica, mas luto para aprender e melhorar. Pode ser um papo chato e careta, mas ele vai tornar a atividade dos Bloggers mais séria e confiável e valorizada. Mesmo que seja um hoby, como no meu caso, é gostoso fazer as coisas da forma certa. É uma atitude cidadã.

Ilustração: Granell, Istockphoto

Deixe uma resposta