By Artigos, Tinto, Vinhos
set 01

Chateau Haut-Bages-Libéral 2006

Criado em: 01/09/2020 às 23:09 | Atualizado em: 08/06/2024 às 22:41

Este Château, originário do século XVI, está localizado entre Pauillac e Saint-Julien-Beychevelle, em um terreno de cascalho com vista para o Gironde. Circundado por Châteaux como Lynch-Bages e Croizet-Bages, o Haut-Bages-Libéral possui uma rica história. O nome “Haut” indica a posição elevada do vinhedo, enquanto “Liberal” refere-se aos proprietários do século XVIII, uma família de comerciantes de vinho.

Embora quase abandonado no século XX, o Château foi revitalizado em 1960 pela Societé Civile Charreules e depois pelo Grupo Taillan. Atualmente, as vinhas, com idade média de 35 anos, predominantemente Cabernet Sauvignon, produzem vinhos de alta qualidade. Safras notáveis incluem 2000, 2001, 2003, 2005 e 2006.

Safra 2021 do Château Haut-Bages-Libéral

A safra de 2021 recebeu elogios pela sua frescura e elegância. Antonio Galloni, da Vinous, elogiou a safra pela sua combinação de classicismo e precisão moderna, destacando a sua acidez viva e estrutura de peso médio. William Kelley, do Wine Advocate, mencionou que esta safra remete aos grandes vinhos de Bordeaux das décadas de 1980 e 1990, com potencial para envelhecer bem por 10 a 15 anos? (TastingBook)?.

Safra 2020

A safra de 2020 foi igualmente impressionante, recebendo 94 pontos da Decanter. Este vinho, composto por 78% Cabernet Sauvignon e 22% Merlot, é descrito como tendo uma cor rubi escura, aromas de cassis e cereja preta, e um paladar fresco e suculento, com uma estrutura tânica fina e uma acidez equilibrada? (Decanter)?.

Safra 2019

A safra de 2019 também se destacou, recebendo 95 pontos da Vert de Vin. Este vinho foi elogiado por seus aromas de frutas escuras, cedro e tabaco, com taninos mastigáveis e um final prolongado e fresco? (Vivino)?.

Claire Villars Lurton, a gestora da vinícola, direciona suas práticas para a agricultura sustentável e integrada, com experimentos em agricultura orgânica e biodinâmica. Isso reflete o compromisso do Château em produzir vinhos elegantes e poderosos, respeitando o terroir excepcional de Pauillac? (TastingBook)?.

Para mais detalhes e atualizações, você pode acessar as avaliações completas nos sites da Wine Enthusiast, Vivino e Decanter.

Para mais informações detalhadas e atualizações diretas sobre o Château Haut-Bages-Libéral, você pode visitar o site oficial do produtor através do seguinte link:

Château Haut-Bages-Libéral – GC Lurton Estates

Deixe uma resposta